Cuidados ao inserir um posicionamento nas Redes Sociais

Cuidados ao inserir um posicionamento nas Redes Sociais

É comum o cliente desejar mostrar seu posicionamento nas redes sociais, diante dos acontecimentos recentes na sociedade nas suas redes sociais, também. Com isso, ele pode se aproximar de quem tem o mesmo posicionamento com o seu e conscientizar outros clientes.

Além disso, devemos ser honestos, o posicionamento de uma notícia quente gera engajamento. Em suma, se posicionar pode gerar benefícios nas Redes Sociais.

No entanto, um posicionamento mal feito pode acabar com a reputação da empresa. Por isso, separei algumas dicas para que o posicionamento nas Redes Sociais seja feito de forma responsável.

Separe as fontes e não seja raso

É importante verificar as fontes das informações que serão pautadas, como jornais, revistas, portais de história e sites de coleta de dados (como o IBGE). Dessa forma, quem receber as informações vai ter como se aprofundar mais no assunto e desenvolver senso crítico.

Além disso, é importante que o posicionamento nas Redes Sociais não seja simplesmente “sou a favor” ou “sou contra”. O ideal é que o posicionamento venha acompanhado de explicações e domínio sobre o assunto.

Um exemplo simples e atual é o posicionamento contra a dominação do Talibã no Afeganistão. Por mais que seja importante e urgente falar sobre isso, muitas empresas estão manifestando suas opiniões de forma muito rasa. Em algumas empresas (que não irei citar no artigo para evitar problemas com o profissional) parece nem sabem encontrar o Afeganistão no mapa.

Converse com o seu cliente

Antes de colocar o posicionamento, entenda claramente as intenções e o posicionamento do cliente. Se necessário, questione e mostra o lado oposto da moeda, para que ele tenha certeza do seu posicionamento antes de colocar nas Redes Sociais.

Assim, o assunto será tratado com responsabilidade e certeza.

Trate o assunto com seriedade

Sobretudo, é muito importante que assuntos sérios sejam tratados com responsabilidade. Se posicionar nas Redes Sociais é uma atitude importante e responsável. Ainda usando o exemplo do posicionamento recente sobre a dominação do Talibã no Afeganistão, vamos fazer um breve estudo de caso.

No instaram, o Quebrando o Tabu publicou algumas imagens no qual o título foi “Afeganistão: Porque as mulheres podem se f*d3r muito”. Já o projeto Colabora publicou imagens com o mesmo assunto com o título “o que o retorno do talibã significa para as mulheres?”. Nas imagens podemos ver duas postagens diferentes relacionando o caso do Afeganistão com as mulheres. É uma situação muito perigosa e séria, mas podemos ver claramente que um possui mais seriedade e respeito que o outro. Caso seja do desejo do seu cliente colocar um posicionamento desse tipo é necessário ser responsável com o contexto.

Essas são principais dicas, mas é importante que o Social Media seja coerente e esteja atento nas informações. As Redes Sociais são uma ótima vitrine para o cliente compartilhar o seu serviço, mas podem ser um tiro no pé se forem mal administradas.

Related Articles

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você quer se tornar o candidato mais disputado pelas empresas de comunicação