Conheça os 5 Maiores Erros com Textos Jornalísticos e se dê bem

Quer receber nossos conteúdos e avisos de cursos por e-mail ?

Seguindo o velho clichê “é errando que se aprende”, cometer erros com textos jornalísticos no início da carreira é algo completamente compreensível e perdoável. Mas para evitar persistir no erro, devemos ir sempre atrás de mais informações que nos orientem como melhorar o modo de produzir conteúdo jornalístico.

CLIQUE e inscreva-se no canal: LINK

Erros com textos jornalísticos

Conheça os 5 maiores erros com textos jornalísticos e se dê bem

Para auxílio nesta tarefa de detectar os maiores erros com textos jornalísticos, serão listados 5 erros que devem ser evitados tanto por jornalistas iniciantes e quanto por profissionais experientes, ao elaborar um texto jornalístico.

Fique atento em cada detalhe de sua atuação.

1) Lide sem atrativos

Num texto jornalístico, o lide é o que abre a notícia, ou seja, ele é o primeiro parágrafo da sua matéria.

Neste espaço devem conter as principais informações do assunto, que irão prender a atenção do leitor.

Diante dessa premissa, o lide precisa ser atrativo.

Procure ser direto e responder de cara as principais perguntas sobre o fato a ser descrito.

Essas perguntas são “O quê? Quem? Quando? Onde? Como? Por quê?”.

2) Ser prolixo

Lembre-se que num texto a qualidade vale mais do que a quantidade.

Uma pessoa prolixa é aquela que escreve ou fala demais, além de enrolar para chegar ao ponto principal.

Com a necessidade de consumir notícias rapidamente, abrimos uma matéria no intuito de obter respostas das dúvidas sobre o assunto em poucas palavras.

Principalmente nas mídias online, o que esperamos é que o lide e o sublide sejam elaborados com textos claros e objetivos.

Um texto longo afasta o leitor que tem pressa.

3) Cometer erros gramaticais

A principal arma de um jornalista é a sua escrita.

Um jornalista que não escreve bem costuma ser mal visto pelos seus leitores, e perde sua credibilidade.

É muito comum quando encontramos erros gramaticais e de concordância em grandes veículos, vir logo em seguida: ”a culpa é do estagiário”.

Para que seu texto não perca a credibilidade por conta dos erros da língua escrita, revise-o mais de uma vez, e se possível peça a um colega para revisá-lo novamente, pois muitos erros nos passam despercebidos.

4) Deixar perguntas do Lide em aberto

Como dito no primeiro item, é indispensável ter um lide atrativo que responda às perguntas guias de seu texto.

Ainda assim, sabemos que muitas vezes não é possível responder a todas as perguntas no primeiro parágrafo.

Quando isso acontecer, responda pelo menos até o segundo parágrafo (sublide), e não deixe para o corpo da matéria.

Complemente o assunto em: Pirâmide Invertida no Jornalismo.

O que vier depois é o complemento para o corpo do texto, e não informação factual.

5) Utilizar poucas fontes

Um erro que muitos jornalistas cometem na hora da pressa, é escrever a matéria com base em apenas uma fonte.

Se você preza pela qualidade e veracidade de seu texto, siga a lei das três fontes na apuração, e entregá-lo a seu leitor com mais conteúdo.

Produzir um texto vago deixará o seu público confuso podendo afastar o público e afetar a credibilidade do profissional.

8 comentários em “Conheça os 5 Maiores Erros com Textos Jornalísticos e se dê bem”

  1. Grato pelas dicas, são válidas para quem produz informativos de variados gêneros.
    Parabéns pela postagem!
    Apesar de não ser jornalista ou de exercer profissionalmente, contribuiu demais para refletir no que e como eu escrevo.

    Abraços,

    Braian

    1. Olá Marcos, fico muito feliz em saber que está sendo ajudado com nossos conteúdos aqui da página. Teremos mais novidades a partir deste semestre, como um curso online completo, ensinando tudo sobre pautas. E mais pra frente sobre Jornalismo Digital e de dados, que hoje abre muitas oportunidade de mercado.
      Já conhece todas nossas mídias?

      Te espero.

      Grande abraço e até a próxima pauta !

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *