Conheça o conceito de Marketing Pessoal para Jornalistas

Quer receber nossos conteúdos e avisos de cursos por e-mail ?

Atualmente a forma principal de se tornar profissional em qualquer área do jornalismo, é explanando nas redes sociais, na web como um todo o seu Marketing Pessoal.

Ou seja, Marketing Pessoal para Jornalistas significa trabalhar em cima de quatro dimensões.

Confira aqui neste artigo 4 formas de rankear você e não só o seu trabalho, se tornado uma autoridade.

Dimensões Marketing Pessoal para Jornalistas:

1. Sua personalidade. Sua auto imagem

A forma como você demonstra seu profissionalismo, como trabalha, sua ética e inteligência emocional em cima das tarefas.

Ou seja, se tem algum canal na web, procure mostrar o máximo do seu melhor com relação ao dia a dia nas atividades e trato com o público, comunicação por exemplo.

Você é o que você sabe e faz.

2. A maneira como você é percebido no mercado. Sua imagem refletida

A forma como você ao trabalhar, demonstra audácia, perspicácia e produtividade, proatividade.

Pois é isso que o mercado espera.

No qual é resposta do que você semeia como personalidade, auto imagem.

Se você não se torna capaz de fazer o seu próprio Marketing pessoal, dificulta muita coisa. Um ótimo exemplo de começo é pelas suas redes sociais.

O que você posta diz quem você é, mesmo sendo em redes pessoais. O Marketing pessoal para Jornalista é o que você faz na sua rede ou é um Marketing pessoal antiprofissional?

3. A visibilidade que procura obter proativamente, com estratégias conscientes de divulgação e networking

A forma como você evolui com o crescimento do que faz e como consequência, o seu crescimento.

O Marketing Pessoal para Jornalistas, deve ser usado em prol da referência que você se torna em cima do que faz, seja vídeo ou matéria.

4. O conhecimento técnico, formação, experiência e atualização profissional

Como falei no item 2, você é o que você sabe.

Então o que você sabe?

Se for a mesma coisa que todos os seus colegas sabem, aprendidas na graduação não serve de diferencial, que faça o contratante querer você para trabalhar na empresa dele.

Já parou para pensar se o que você sabe está apto o mercado de trabalho?

Já notou que o passado na faculdade não é técnico?

Então busque por isso!

Você vale pelo que você sabe, seus resultados. Você valeria muito, pouco ou estaria na média?

Lembrando que média te iguala a todos. Muitos morrem no meio do caminho.

Corra atrás da prática, não é só de teorias que o dia a dia na redação vive. Só quem sabe fazer, fica!

Mesmo que já seja formado, e já tenha trabalhado ou esteja trabalhando, busque por atualizações, pois o jornalismo mudou e garanto que você precisa estar mais antenado do que viu na faculdade, afinal as coisas não deixam de crescer porque já graduamos.

Faça cursos e esteja incluído no mercado do novo jornalismo.

2 comentários em “Conheça o conceito de Marketing Pessoal para Jornalistas”

  1. Na verdade, a minha formação é Letras: Port., Inglês, literatura. Sou prof., tradutor, também em alguns outros idiomas e revisor (autônomo). Colaboro com um jornal, escrevendo contos e crônicas.
    O artigo me foi útil.

    Sérgio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *