Qual a diferença de Treinee para Estágio

Quer receber nossos conteúdos e avisos de cursos por e-mail ?

Muitos alunos têm dúvidas com relação à diferença de Treinee para Estágio e na hora da oportunidade não sabem qual melhor opção seguir, e com isso acabam acreditando em muitos mitos sobre estes programas.

Façam suas comparações e decidam seu próximo passo após ler este artigo.

Diferença de Treinee para Estágio

Estágio:

O que é: Coloca em prática conteúdos apresentados pela faculdade com a rotina da profissão. O estágio deve ter relação com o curso realizado para ser aceito pela instituição de ensino como atividade complementar.

Para quem é: Estudantes do ensino médio, técnico profissionalizante ou graduação, em qualquer período.

Precisa de experiência: Geralmente o estágio é a primeira experiência profissional de estudantes.

Qual carga horária máxima: Ensino médio ou técnico: 20 horas semanais (4 horas diárias) / Graduação: 30 horas semanais (6 horas diárias).

Tem remuneração: Os programas de estágio podem ou não ser remunerados. Quando são, o (a) estagiário(a) costuma receber um valor próximo do salário mínimo, variando de acordo com a área que exerce.

Qual a duração do programa: Não tem duração mínima e sim máxima, porém podendo ser com 2 anos.

Tem supervisão: Como lida com a prática da teoria ensinada na faculdade, se recebe supervisão e tem suas atividades acompanhadas.

Tem vínculo empregatício: Não.

Tem benefícios: Varia conforme a empresa e contrato vigente. Tem direito a férias de 30 dias após um ano (ou proporcionais). O seguro de vida é obrigatório.

Uma vantagem: Uma ótima chance de ingressar no mercado de trabalho.

Uma desvantagem: Efetivação não é certa e cargos têm alta rotatividade.

Há chance de efetivação: Sim.

Quem regulamenta: Estágios são regulamentados pela lei do estágio de 2008 (Lei nº. 11.788/2008).

Treinee:

O que é: Um programa de aprendizado e treinamento para preparar profissionais recém-formados para exercer cargos dentro de uma empresa ou agência.

Para quem é: Para estudantes do último ano da graduação ou formados há, no máximo, 3 anos.

Precisa de experiência: Nem sempre, mas é exigido que o(a) candidato tenha mais maturidade profissional do que um estagiário, ou seja uma certa experiência. Uma das maiores diferença de Treinee para Estágio.

Qual carga horária máxima: 40 horas semanais (8 horas diárias).

Tem remuneração: Cargos trainee são remunerados, pois profissionais atuam sob contrato e são registrados. A remuneração geralmente é próxima de cargos juniores da área.

Qual a duração do programa: O programa tem duração variada, que pode durar de 6 meses a 3 anos, dependendo da empresa.

Tem supervisão: Exerce suas atividades sem supervisão, mas recebe treinamento durante o programa.

Tem vínculo empregatício: Sim

Tem benefícios: Recebe benefícios previstos pela CLT (vale-transporte, vale-refeição, 13º salário, FGTS e férias remuneradas).

Uma vantagem: Se for aprovado no treinamento, a efetivação pode ser consequência.

Uma desvantagem: Pouca oferta de vagas.

Há chance de efetivação: Sim.

Quem regulamenta: Vagas trainee não tem regulamentação específica, porém são baseadas na lei trabalhista (CLT).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *