Destaque nas redações usando o Jornalismo em tempos de mídias sociais

Tempo de leitura: 3 minutos

O Jornalismo em tempos de mídias sociais ganhou novos métodos de transmitir informação, que otimizaram o trabalho nas redações.

CLIQUE e inscreva-se no canal: LINK

Com o auxílio das novas tecnologias, os veículos tradicionais começaram a explorar as plataformas digitais para compartilhar conteúdos diferenciados de forma gratuita.

Para definir quais redes sociais são compatíveis com o veículo que o jornalista atua, é preciso observar algumas características que irão justificar o uso para compartilhamento.

As relações de valores, objetivos em comum entre o veículo de comunicação e o leitor, além dos interesses pessoais do público-alvo influenciam na decisão do uso de determinada rede social.

É importante que todos estes itens sejam estudados para entender se a ferramenta será eficiente.

A escolha correta terá como consequência, o compartilhamento da mensagem, e a discussão sobre o assunto.

Para criar vínculos, é fundamental que o jornalista estimule estas práticas do leitor, respondendo dúvidas, críticas e elogios.

Jornalismo em tempos de mídias sociais:

Destaque nas redações usando o Jornalismo em tempos de mídias sociais

Observe suas características e compreenda as vantagens de utilizá-las como ferramentas para compartilhamento de notícias e assim, se destacar no mercado jornalístico.

Facebook

Jornais utilizam o Facebook para compartilhar links de notícias selecionadas, durante determinados horários, diariamente.

Também é utilizado para transmissões ao vivo de eventos ou entrevistas. Ao ocorrer furos de reportagem, esta rede social é acionada para divulgar a notícia em suas primeiras informações, enquanto a apuração ainda está sendo feita.

Posteriormente, com todos os detalhes, a matéria é divulgada em outros formatos e retorna ao Facebook como link de compartilhamento.

Twitter

Veículos de rádio utilizam o Twitter assiduamente para divulgar notícias locais, como previsão do tempo, condições do trânsito e acidentes.

A plataforma digital também é ponte de comunicação com o público, que envia sugestões de pauta e denúncias, que são apuradas para aproveitamento posterior.

Youtube

Conteúdos extras de jornais da TV, bastidores, matérias especiais de veículos de rádio e entrevistas vindas de matérias de jornais impressos, tem ganhado espaço no Youtube.

O site de compartilhamento de vídeos conta com diversos canais de massa, além de jornalistas amadores ou recém-formados.

O espaço otimiza a publicação de vídeos que podem ser compartilhados em outras redes sociais.

Também ser utilizado como uma espécie de arquivo para matérias em formato compactado.

WhatsApp

O aplicativo de troca de mensagens instantâneas auxilia o jornalista em diversas tarefas.

É possível receber mensagens de texto, arquivos de áudio, imagens e vídeos. Com estas facilidades, o aplicativo é usado na apuração de notícias, entrevistas e envio de pautas.

O WhatsApp também serve como canal de comunicação com o leitor, utilizado por veículos de rádio, impressos e TV.

Atualmente, estar presente nas plataformas digitais significa estar de acordo com as evoluções das tecnologias da informação.

O Jornalismo em tempos de mídias sociais segue em constante aprimoramento de utilização, ainda sem um padrão definido a ser combinado com a criatividade dos profissionais.

Leia assuntos relacionados a mercado: Pós-Graduação em Jornalismo, conheça e se especialize / Conheça os pontos positivos e negativos de ser um Freelancer Novidade: Jornalismo de Dados e sua importância para o Jornalista atual Saiba como utilizar as técnicas de SEO para jornalistas na Redação OnlineSaiba como escrever um bom texto para web e se destaque no mercadoSaiba criar um portfólio e dê um UP no seu currículo

Modelo de Currículo para Jornalista

Baixe aqui o seu modelo de currículo, use no seu estágio e durante sua carreira.>

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*